Haroldo Queiroz monta armadilha e cai nela

Bode do MalO ex-prefeito Haroldo Queiroz se vangloria de ter pago R$ 300 mil para garantir a condenação do prefeito Fernando Cabral, mas a maldade dele está se voltando contra ele mesmo.

Grande perdedor nas urnas, Haroldo decidiu se vingar no tapetão. Como ele mesmo disse ainda em 2016, em Bom Despacho ele ia perder a ação contra seu adversário vitorioso, Fernando Cabral, mas que no TRE ele garantia a parada porque lá ele tinha um padrinho forte. O nome do padrinho ninguém pronuncia, mas todo mundo sabe quem é.

Recentemente, antes da votação no TRE, ele garantiu que teria 4 votos. Estes votos teriam lhe custado R$ 300.000,00. Embora todo mundo saiba que Haroldo é um mentiroso compulsivo, todo mundo que é do ramo também sabe que o relator do processo, Desembargador Alexandre Victor de Carvalho é venal(*), e os favores que deve a um ex-governador vem de pai para filho.

Consequências eleitorais Anderson do GásO ex-prefeito Haroldo se meteu numa enrascada política. Se o TRE afastar o prefeito Fernando Cabral, sua adversária Joice Quirino assumirá a prefeitura. Esta é uma possibilidade que está assombrando ex-prefeito. Por isto, na próxima eleição da presidente da Câmara ele quer eleger sua mulher, Cessão Queiroz. Desta forma ele voltaria a comandar a cidade por via escusas. O problema é que a mulher dele só tem um voto, que é o dela mesma. Haroldo quer então comprar o voto dos vereadores Ânderson do Gás e Fernando Becker. O voto do Ânderson tem preço conhecido e é barato (veja aqui), mas o voto de Fernando Becker ainda não tem preço ajustado.

Joice QuirinoNo momento Haroldo “Tiro no Pé” Queiroz está sem dormir para saber como sua maldade não voltará contra ele mesmo. Se o TRE reverter a decisão Fernando Cabral fica e Haroldo vai para casa com o rabo entre as pernas, mas se o TRE não reverter, Joice Quirino assume a prefeitura e ganha a próxima eleição. Isto é, a menos que os vereadores abram uma CPI pela compra de votos (Veja aqui)

Bode do Mal(*) Com autorização do STJ,o Desembargador Alexandre Victor de Carvalho está sendo investigado por nepotismo, abuso e corrupção. Leias as matérias abaixo para saber mais sobre as virtudes do Desembargador que comando o TRE-ME: Gravações mostram desembargador negociando cargos Desembargador com “bundona na janela” CNJ pede informações a desembargador Tribunal abre processo para investigar magistrado

Veja também estas biografias Cessão Queiroz, a primeira dama do ladrão Acir Parreiras, o cupincha Tereza Raquel Queiroz, a filha do ladrão Haroldo Queiroz condenado pelo TCU Haroldo Queiroz o ladrão cria da casa Cláudio Boca Preta, o gigolô do INSS Mozart Fosquete Agostinho Santos – Gigolô da Prefeitura Maurício Reis – o picareta que veio de fora